Sábado, 30 de Janeiro de 2010
À noite todos os gatos são pardos - principalmente os das riscas...


publicado por carrapato às 19:43
link do post | comentar | favorito
|

10 comentários:
De Tibério a 31 de Janeiro de 2010 às 23:42
Como diz o outro, " puta que pariu "....as fotos estão espectaculares...já me fartei de rir...

Cumprimentos
Tibério


De f.afonso a 1 de Fevereiro de 2010 às 14:32
Reparem no pormenor do cinto para ajudar a manter o (des)equilibrio....

já tinhas idade....


De A Máscara a 2 de Fevereiro de 2010 às 12:56
O cinto?! Na primeira volta rebentou o candeeiro!
Por falar nisso, já pagaste o candeeiro ao rapaz?! ehehehehehehe


De f.afonso a 2 de Fevereiro de 2010 às 18:01
oh pahhhh,...... depois sao os outros q partem tudo....

BANDIDO, devias era tar na cadeia

Já agora, será que há por aí alguem capaz de escrever aquela história FANTASTICA do Tiberio no hospital da covilhã?????


De Tibério a 2 de Fevereiro de 2010 às 21:42
Cambada de bêbados, Com os Hospitais não se brinca, existem para nos tratarem das mazelas que vamos tendo ao longo da vida...

Tenham Juizo.

Cumprimentos
Tibério


De A Máscara a 3 de Fevereiro de 2010 às 11:11
A história é muito simples e podia ser contada com muitas flores e figuras de estilo mas isso fica para outras núpcias, até porque o Carnaval está a chegar e o “tiro pode-me sair pela culatra”!
Numa fugidinha a Almeida, o amigo Tibério, contente e satisfeito por rever os amigos, abusou um pouco de certas bebidas, coisa pouco habitual, diga-se a bem da verdade! Domingo bem cedinho, sentiu o veneno da ressaca e na boca um sabor estranho tipo “a papeis de música” (eheheheheheh). Como não está habituado, pensou que estaria a chegar a sua hora. Preocupado com a sua imagem de rapaz atinado procurou evitar recorrer ao Centro de Saúde de Almeida. Não fossem algumas mentes mal pensantes denegrir a sua imagem de Homem de barba rija. Assim, e já de regresso a Lisboa, implora à Sónia que não aguenta as dores no peito e que por todo o amor do mundo o leve ao Hospital da Covilhã. A Sónia, conhecedora do “Bicho fino”, mulher preparada para as desgraças do marido, a quem lhe prepara sempre a malinha em vésperas de jantarada, satisfaz as preces do marido.
O Tibério ao avistar as urgências, temendo a espera, começa aos berros, dizendo que não aguenta as dores no peito! Como a situação é normalíssima numa urgência de hospital, ninguém ligou ao amigo Tibério. Já em desespero e à socapa, refugia-se no interior do hospital, e na primeira oportunidade deita-se numa maca. Sempre que avista alguém com bata branca começa a implorar choques eléctricos pois corre o risco de entrar em paragem cardíaca! (eheheheheheh)
Um médico ao passar, indiferente por toda aquela comédia, é agarrado pelo Tibério que lhe implora que o salve! O médico pergunta o que tem, ao que este lhe responde que está a morrer. Resposta do médico: “se estivesse a morrer não berrava tanto…” (ehehehehehehe)
E assim a coisa ficou resolvida, o amigo Tibério ficou descansado (voltou a nascer!) com as palavras do médico e um par de litros de soro. Claro que a história não ficou no segredo dos deuses, como tencionava o Tibério, pois foi reconhecido por uma enfermeira que é natural de Almeida e a quem teve de contar todo o sucedido…
Comentário do Tiaguito que entretanto tinha corrido para ajudar o amigo:
Tiago: Então pá?!
Tibério: Cá estamos… (tipo: “a ver a novela”)
Tiago: Isso não se faz, tens toda a gente preocupada, não é por mim é (tipo: eu já te conheço…) é pelas mulheres, como é que agora as aturo?!
Acreditem que após esta aventura, a Sónia sempre que prevê noitada do marido, tem sempre uma malinha com roupa tipo “vai para o Hospital para lá ficar…
Abraço


De A Máscara a 3 de Fevereiro de 2010 às 11:12
A história é muito simples e podia ser contada com muitas flores e figuras de estilo mas isso fica para outras núpcias, até porque o Carnaval está a chegar e o “tiro pode-me sair pela culatra”!
Numa fugidinha a Almeida, o amigo Tibério, contente e satisfeito por rever os amigos, abusou um pouco de certas bebidas, coisa pouco habitual, diga-se a bem da verdade! Domingo bem cedinho, sentiu o veneno da ressaca e na boca um sabor estranho tipo “a papeis de música” (eheheheheheh). Como não está habituado, pensou que estaria a chegar a sua hora. Preocupado com a sua imagem de rapaz atinado procurou evitar recorrer ao Centro de Saúde de Almeida. Não fossem algumas mentes mal pensantes denegrir a sua imagem de Homem de barba rija. Assim, e já de regresso a Lisboa, implora à Sónia que não aguenta as dores no peito e que por todo o amor do mundo o leve ao Hospital da Covilhã. A Sónia, conhecedora do “Bicho fino”, mulher preparada para as desgraças do marido, a quem lhe prepara sempre a malinha em vésperas de jantarada, satisfaz as preces do marido.
O Tibério ao avistar as urgências, temendo a espera, começa aos berros, dizendo que não aguenta as dores no peito! Como a situação é normalíssima numa urgência de hospital, ninguém ligou ao amigo Tibério. Já em desespero e à socapa, refugia-se no interior do hospital, e na primeira oportunidade deita-se numa maca. Sempre que avista alguém com bata branca começa a implorar choques eléctricos pois corre o risco de entrar em paragem cardíaca! (eheheheheheh)
Um médico ao passar, indiferente por toda aquela comédia, é agarrado pelo Tibério que lhe implora que o salve! O médico pergunta o que tem, ao que este lhe responde que está a morrer. Resposta do médico: “se estivesse a morrer não berrava tanto…” (ehehehehehehe)
E assim a coisa ficou resolvida, o amigo Tibério ficou descansado (voltou a nascer!) com as palavras do médico e um par de litros de soro. Claro que a história não ficou no segredo dos deuses, como tencionava o Tibério, pois foi reconhecido por uma enfermeira que é natural de Almeida e a quem teve de contar todo o sucedido…
Comentário do Tiaguito que entretanto tinha corrido para ajudar o amigo:
Tiago: Então pá?!
Tibério: Cá estamos… (tipo: “a ver a novela”)
Tiago: Isso não se faz, tens toda a gente preocupada, não é por mim é (tipo: eu já te conheço…) é pelas mulheres, como é que agora as aturo?!
Acreditem que após esta aventura, a Sónia sempre que prevê noitada do marido, tem sempre uma malinha com roupa tipo “vai para o Hospital para lá ficar…
Abraço


De f.afonso a 5 de Fevereiro de 2010 às 11:47
"Bicho Fino"... ah ah ah

ÉS O MAIOR TIBÉRIO!!!!!!


De Tibério a 5 de Fevereiro de 2010 às 15:31
Palhaço....misturas-te duas idas a Hospitais, mas o espirito foi mais ou menos esse....e assim me curei...ehehehehe

Cumprimentos
Tibério


De A Máscara a 5 de Fevereiro de 2010 às 16:33
Duas?! Se fossem só duas...
Só para te roeres: hoje há sueca ehehehehehehehe
Abraço


Comentar post

Oh pra mim
Relogio
Junho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


posts recentes

Feira do Bacalhau

Cumpleaños de Cristina - ...

Mas que DUAS!!!!!!!!!!!

É tão bom rir...

Carnaval - Olé - Part I...

Carnaval - Almeida

Carnaval - Olé ...

À noite todos os gatos sã...

Os moinhos.

O meio 1º passeio. Sou ca...

arquivos

Junho 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Contador
juegos de casino
juegos casino
links
pesquisar
 
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds